domingo, 29 de janeiro de 2012

Spirali Tricolore com camarão e cogumelos












Ingredientes:

- 1 lata de cogumelos
- Chouriço cortado em cubinhos (1 quarto de chouriço)
- Fiambre em cubinhos (4 fatias)
- Miolo de camarão congelado (+- 300gr)
- Queijo cortado aos cubinhos ( 6 fatias)
- folhas de couves ou espinares (eu usei folhinhas de varias couves da minha horta)
- 300 gr massa spirali tricolore
- sumo de 1 limão
- sementes de piri piri q.b.
- pimenta em grão moída
- sal q.b
- azeite q.b
- oregãos
- dentes de alho picados q.b.
- 2 - pacotes de natas
- 1 dl de leite
- 1 c. chá mostarda dijon
- 1  c. chá farinha maizena
- Queijo paramesão ralado

Cozi a massa em água e sal como as instruções da embalagem, à parte cozi as folhas de couve. Numa frigideira coloquei o camarão, azeite, alho picado, piri-piri, sumo de um limão e sal. Tapar a frigideira.Vai ficar um molhinho que se reserva numa tacinha. Junta-se na frigideira o chouriço aos cubinhos e os cogumelos e deixa-se fritar um pouco. Quando a massa estiver cozida, coa-se a água e junta-se oregãos e mexe-se.
Quando as couves estiverem cozidas tambem se coa bem a agua e junta-se um dente de alho picado para dar gosto. Por fim junta-se as couves na frigideira e os cubos de fiambre, o molho que retiramos no inicio e desliga-se.

Num tachinho junta-se as natas, o leite, a mostarda, a pimenta, sal e a maizena. Deixa-se engrossar um pouco e desliga-se.

Num pirex de ir ao forno coloca-se uma camada de massa, o recheio que está na frigideira, um pouco do molho de natas, o resto da massa e rega-se com o resto do molho. Mexe-se um pouco com a colher de pau para o molho entrar. Por fim deita-se por cima o queijo as cubinhos e o queijo paramesão ralado e vai ao forno até ganhar cor.

Ficou muito bom!


sábado, 21 de janeiro de 2012

Bacalhau com Broa












Esta receita é dedicada à minha tia Ana Maria que tanto me tem pedido a receita e eu já nem sei onde a tenho, há pouco tempo resolvi fazer novamente e apontei os passos todos que segui.

Ora aqui vai então:

Ingredientes para cerca de 6 pessoas: (acaba sempre por sobrar)

6 postas de bacalhau
4 dentes de alho picados
2 cebolas picadas
1 folha de louro
azeite q.b.
2 molhos de espinafres frescos ou 2 embalagens de espinafres congelados
1 farinheira (opcional, foi uma inovação deste bacalhau que fiz e ficou muito bom)
miolo de três broas esfareladas e picadas na máquina ( cerca de 0,5kg cada broa e sobrou um bocadinho)
salsa picada q.b.
sal q.b.


Coze-se o bacalhau e de seguida desfia-se e reserva-se a agua. Enrola-se a farinheira em folha de aluminio e pica-se com um palito (folha e farinheira), vai ao forno cerca de 25 minutos a assar.

Cozem-se os espinafres, se forem os congelados prepara-se na frigideira como está na embalagem.

Na picadora junta-se os dentes de alho, cebola, salsa e um pouco de azeite. Depois de picadinho vai ao lume a refogar juntamente com a folha de louro. Mistura-se o bacalhau no refogado  e desliga-se o lume. (quem preferir pode cortar a cebola as rodelas finas, eu prefiro tudo picado)

Deita-se 1 c.sopa de azeite na agua do bacalhau, depois de termos a broa bem esfarelada e picadinha na picadora colaca-se a mesma numa tigela grande e vai-se molhando com a agua do bacalhau. Este processo é para se ir mexendo na broa com as mãos. A broa tem de ficar bastante humida, mas atenção para não colocar agua demais. Vai-se misturando a água com as mãos até a sentir-mos molhadinha.

Coloca-se uma primeira camada de broa no tabuleiro, de seguida o bacalhau com o refogado (retira-se a folha de louro), depois a farinheira, seguida dos espinafres (se forem cozidos, deixa-se escorrer bem), por fim novamente a broa e rega-se com azeite. Vai ao forno cerca de 25 minutos, ou até alourar. Eu tirei algumas fotografias do processo.

Eu acho que o segredo desta receita é deixar a broa bem molhadinha com a água do bacalhau, porque fica mais saborosa e não seca como alguns que já comi.

Espero que gostem, bom apetite!

domingo, 15 de janeiro de 2012

Azeites Aromatizados




Este Natal os presentes foram quase todos caseiros! Fomos nós que fizémos os nossos presentes e por isso acho que tiveram um valor especial, pelo menos para nós e foi muito divertido. A azáfama foi grande, mas no fim acho que valeu a pena.

Oferecemos azeites aromáticos, compotas e geleias. Vou começar pelos azeites. Tentámos ter alguma variedade, Azeite de Tomilho e lima, Hortelã e Lima, Mangericão, Alecrim. Utilizámos Azeite Virgem Extra Condestável Reserva. Compramos as garrafinhas e os frascos para as compotas na Vetromarim . No início foi o mais complicado porque não encontrávamos as garrafas e o que viamos não era a preços acessíveis, ou então exigiam quantidades enormes. Depois encontrei esta empresa na net e o mais engraçado foi descobrir que era aqui pertinho, em Loulé, fui lá pessoalmente e assim poupámos o dinheiro dos portes.

Então para fazer os azeites usei os seguintes ingredientes:

Tomilho (apanhado no campo)
Mangericão
Hortelã
Alecrim (da nossa horta)
Mistura de Pimentas em grão
Malaguetas
Dentes de alho inteiros
Lima (cortada as rodelas)
Oregãos
Louro

Primeiro esterelizamos as garrafas e deixa-mos secar muito bem. Lavamos todos estes ingredientes e deixa-mos que secassem. Esta parte é bastante importante para que não hajam bactérias no nosso azeite.

Para o azeite de Tomilho, coloquei primeiro o Tomilho e a Lima e depois enchi com o azeite, alguns usei só o tomilho. Os de Alecrim tambem coloquei malagueta e mistura de pimentas, outros só com o Alecrim. No azeite de Hortelã tambem coloquei lima. No azeite de oregãos coloquei uma folha de louro e dentes de alho inteiros. No azeite de mangericão misturamos dentes de alho e pimenta.

Depois fizémos umas etiquetas engraçadas e com ráfia colocámos no gargalo da garrafa.






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Queres experimentar produtos novos para poderes expressar a tua opinião? Então inscreve-te aqui: